• Prefeitura de Assis Brasil

Ano letivo da rede municipal de ensino encerrou nesta quinta-feira, 23

A Prefeitura de Assis Brasil por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) realizou nesta quinta-feira, 23, o encerramento do ano letivo 2021 nas escolas de Rede Municipal de Ensino.

Devido a pandemia ocasionada pela covid-19 a Semed iniciou o ano letivo no modo não presencial, no chamado ensino remoto e, quase no final do ano, de forma gradativa migrou para o ensino híbrido, cumprindo assim os 200 dias letivos estabelecidos.


A agenda foi liderada pelo secretário de educação, Elias Marques, e acompanhada pelos professores da zona rural. O secretário reafirmou o compromisso da gestão do prefeito Jerry Correia e vice Reginaldo Martins com a educação e disse que foi um ano complexo em que os professores tiveram que se reinventar para dar o melhor suporte e assim atender os milhares de alunos da rede municipal, especialmente na área rural.


“Infelizmente, não foi possível trabalhar de forma presencial no primeiro semestre, só iniciamos com a presença de nossos alunos, em parte, em setembro, pois algumas famílias optaram por ainda deixar seus filhos em casa. Mas ainda os que continuaram de forma remota foram atendidos por nossos profissionais. Esse é o momento de agradecer, primeiramente a Deus por todo o trabalho desenvolvido ao longo deste ano, por todos os momentos que passamos e que tivemos que nos desafiar pra poder chegar com a educação no seio das famílias e na mente dos nossos alunos”, disse Elias Marques.

Elias complementou ao dizer que só foi possível alcançar o aprendizado esperado durante o ano letivo, graças ao empenho dos profissionais da educação que fizeram o ano letivo encerrar com sucesso. "Parabéns pelo empenho e desempenho, vocês foram gigantes" pontou.


O secretário também lembrou que durante o ano, a prefeitura fez a entrega de kits de cestas básicas aos alunos com a merenda escolar, entrega de materiais didáticos (exercícios etc), reformas de escolas e que o trabalho continuará em 2022 e lembrou do uso das escolas durante a crise imigratória e também da pandemia da covid-19.


Por fim, o secretário disse que o período de matrículas para o ano de 2022, ainda não tem data definida, mas deve ocorrer entre janeiro e fevereiro do próximo ano.

0 comentário